Logotipo CNM Muncípios Contra a Dengue

Envie-nos seu material, boa prática, sugestões, ideias, opiniões e dicas

Municípios capixabas apresentam epidemia de dengue

31 de março de 2016

31032016_mosquitonapele_SenadoOs Municípios de Jerônimo Monteiro, Mantenópolis, Guaçuí, São José do Calçado e Vargem Alta, todos no Espírito Santo (ES), estão em situação delicada por conta da epidemia de dengue apresentada nessas localidades. A ocorrência da enfermidade está acima de 300 registros a cada 100 mil habitantes, dado confirmado pelo Ministério da Saúde (MS) juntamente com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

No Sul do estado, na cidade de Jerônimo Monteiro, somente na última semana foram anotadas 1.162 notificações de dengue a cada 100 mil habitantes. A soma das quatro últimas semanas eleva o nímero para 2.736 notificações, para um Município com uma população estimada em pouco mais de 11 mil habitantes segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As confirmações da doença também ocorreram nos demais Municípios, ultrapassando o índice epidêmico. De acordo com a Sesa, esses 300 casos a cada 100 mil habitantes revela alto risco de contaminação, o que procova estado de alerta. Entretanto, não é considerável que todo o estado esteja em situação de epidemia.

Balanço
Embora essa situação não se apresente em todo o estado, o Espírito Santo consta na lista das unidades da federação com maior incidência de dengue a cada 100 mil habitantes, ocupando a 8.ª posição, com 391 casos. Minas Gerais (MG) lidera o ranking com incidência de 596, seguido por Mato Grosso do Sul (MS), com 514, e Tocantins (TO), com 462 casos de acordo com o último balanço do MS.

Para combater o mosquito transmissor no Espírito Santo, o estado enviou uma força-tarefa composta por 20 profissionais que farão fumacê nas cidades e palestras aos moradores, ações que se estenderão de acordo com o aumento da incidência de casos de cada Município.

Clique aqui para consultar o hotsite da Confederação Nacional de Munícipios (CNM) “Municípios contra o Aedes aegypti”, e obtenha informações sobre como combate ao mosquito transmissor.

Da Agência CNM, com informações do G1 ES